A Mais Velha ~ Continuação

Pela manhã Sara e Jonas tomaram café e saíram para encontrar Abdul, o guia da trilha para a cidade antiga.

_A trilha não é muito longa, mas é extremamente perigosa e confusa. – Disse Abdul

_Perigosa? – Perguntou Sara assustada

_Sim, aquele lugar possui algo que alguém não queria que saísse. Tem armadilhas em volta de toda a cidade.

_Mas não precisa se preocupar querida, eu e Abdul conseguimos localizar todas as armadilhas e fazer uma trilha para conhecer o lugar.

_Jonas, velho amigo, coisas estranhas aconteceram aqui depois que pisamos aquele lugar pela primeira vez. Tem certeza de que quer tornar a fazê-lo?

_Claro que sim. Precisamos descobrir o que era aquele lugar e porque tantas armadilhas.

_Talvez eles não quisessem que algo entrasse e não que algo saísse.

_É uma possibilidade senhorita. Aliás, você me parece familiar.

_Algumas pessoas por aqui dizem o mesmo, acho que devo ter antepassados neste lugar, por isto estou indo com vocês até a cidade antiga.

_Tentei fazê-la desistir, mas esta aí quando enfia algo na cabeça…

_Talvez seja bom tê-la conosco. Conhece a lenda da cidade antiga senhorita?

_Sei apenas o que me disseram. Houve traição e a rainha jurou voltar um dia.

_Ah, então a senhorita não conhece a lenda. – ele sorriu intrigantemente.

_Conte-a Abdul, tenho certeza que ela vai adorar.

Contou a lenda. “Há muitos anos a cidade antiga era a capital de nosso país, era governada por um rei muito bondoso, ele se chamava Ashraf Asim. O rei tinha 5 filhas com a rainha, e nunca até então acontecera de ter apenas herdeiras. Porém seu filho mais velho não fazia parte da família, ele era apenas príncipe quando gerou o garoto, e por não ser filho da rainha não tinha direito ao trono exceto que se casasse com a filha mais velha: Maheen Mehira. Apenas o rei e seu amigo de longa data, Kadeen Kedar, sabiam da existencia do garoto já que estes dois eram a mesma pessoa. Certa noite o rei morreu de forma inexplicavel e a rainha o seguiu pois era a tradição, Mehira se tornou rainha e Kadeen se ofereceu para ajudá-la a governar. Se tornaram amigos e ela acabou apaixonando-se por ele, este foi o seu erro, casaram-se e após alguns meses juntos ela percebeu que ele tentava controlá-la. Certa tarde ela foi caçar com suas irmãs, elas cresceram cavalgando atrás de porcos selvagens e veados, mas Kadeen havia tramado a morte de todas elas, e pessoalmente revelou-as antes de atacar que havia matado envenenado o pai. Mehira conseguiu sobreviver graças a elfos que a encontraram e cuidaram-na, foi então que ela descobriu que estava grávida, sua filha iria se chamar Hayal Mehira e iria ser criada como se fosse sua irmã, pensaria que seu pai era Ashraf Asim e saberia da traição de Kadeen ao pai e sua sina seria matar Kadeen. Maheen Mehira morreu após alguns anos, estava velha e sua filha já era adulta, Hayal Mehira foi treinada pelos elfos para a luta e a caça, apos a morte de Maheen ela decidiu cumprir a promessa de matar Kadeen. Ao se revelar a ele como sendo irmã de Maheen ele soube que não era a verdade, mas também soube que ela acreditava no que dizia, aproveitou-se disto para oferecer-lhe o trono, ela aceitou e mandou que o prendessem. Após algum tempo ela voltou à floresta para ver seu amigo elfo Amir Amin, Kadeen convenceu o povo que ela havia morrido e voltou a ser o rei, ao tentar voltar Mehira foi expulsa e voltou a morar na floresta, mas saiu do reino jogando uma maldição sobre Kadeen: ele só morreria pelas mãos dela, enquanto isto não acontecesse ele viveria e veria todos a sua volta morrerem. Ela nunca mais voltou e Kadeen, que nunca mais saiu da cidade, mandou cercar toda a cidade de forma que ela não tivesse como chegar à ele.”

_Dizem ainda que ela está viva e esperando a hora certa para matá-lo, mas claro que são só lendas afinal são séculos passados. – Disse Abdul ao terminar de contar a lenda. – Ainda quer embarcar nesta aventura, alteza?

_O que disse? – Sara estava com uma cara de assustada, ela havia escutado os nomes em seu sonho, teve medo.

_Me parece estar aérea, perguntei se a senhorita ainda quer ir conosco.

_Mais do que nunca. – Agora ela estava firme e não mais com medo, queria ir até o fim e saber o motivo de seus sonhos.

Eles entraram na trilha e a medida que avançavam na floresta Sara sentia que estava sendo observada e de alguma forma conhecia aquele lugar, conhecia a tal ponto que em determinado momento ela se separou dos dois e seguiu sozinha por um caminho sem trilha, ela não sabia onde iria parar aquele lugar mas sabia que de alguma forma havia algo esperando por ela lá. Após algum tempo viu um lugar que parecia uma vila, mas não viu ninguém nem ouviu nada, decidiu se aproximar.

_O que faz aqui? – veio uma voz atrás dela. Ela se virou.

_Na verdade, eu não sei…

_Me-Mehira? – ele gaguejou quando viu-a. Caminhou em sua direção. – É você mesma? Eu achei que estava morta!

_Como você me chamou? – Sara olhou assustada.

_Mehira, Hayal Mehira. Não se lembra de mim? Sou Amir Amin, seu marido.

Nota da Autora: Ok, eu confesso: não terminei. Mas fiz uma segunda parte, o que já é um avanço levando em conta que não ando com cabeça pra nada xD  Vou ver se termino de verdade agora nesta semana que vem, abraços apertados em todos ^^

Anúncios

~ por Bu. -L' illusioniste em sábado; 8-agosto-2009.

4 Respostas to “A Mais Velha ~ Continuação”

  1. Primeiramente brigado pela sua visita e pelo elogio, gostei muito dessa história, tambem tenho um monte dessas historias, porem não posto eu acho que não sao tão boas e tambem todas inacabadas. Gostei muito das fadas kkkk. Esse texto me fez lembrar de Nárnia

    ate mais

  2. Eu não gostei muito desta parte especificamente, ela também é uma história inacabada, mas histórias inacabadas podem ter um “fim sem fim”, entende?
    Fico feliz que tenha gostado ^^

  3. E cadê a continuação??
    Admitiu que não terminou… ficou de terminar…. cadê??
    Tô esperando, quero ver sangue no final dessa história \o/

  4. Sem inspiração… broshey pra essa história.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

 
%d blogueiros gostam disto: